fbpx

Coronavírus o que podemos esperar do E-commerce com a pandemia?

E o que podemos esperar do E-commerce com a pandemia do Coronavírus?

Enfrentar o desconhecido e enfrentar desafios imprevisíveis é a história de todos os negócios. Através de bons e maus momentos, encontrar soluções para os imprevistos é uma escalada diária.

Agora, com uma possível sobrecarga iminente de pandemia, os varejistas estão tentando equilibrar os aumentos de demanda em relação a escassez de suprimentos, enquanto empresas de todo o mundo cancelam eventos e tentam instituir proteções proativas para seus funcionários.

Coronavírus COVID-19: o que sabemos

Até o momento deste post, havia 174.295 casos do novo coronavírus em todo o mundo, com mais de 200 confirmados no Brasil. 

Quando o surto de coronavírus surgiu em Wuhan, província de Hubei, as autoridades chinesas afirmaram que ele estava localizado, embora em uma área com uma grande população e muitas fábricas. Então o vírus se espalhou para outras áreas da China.

O governo estendeu o feriado de Ano Novo em 25 de janeiro por três dias e agora impôs restrições de viagem a cerca de 60 milhões de pessoas. 

Em todo o país, as autoridades instruíram os residentes a ficar em casa e evitar locais públicos. Os moradores assustados estocavam alimentos, papel higiênico e desinfetante, levando à escassez.

Muitos analistas pensaram que as compras on-line de mercadorias na China por pessoas presas em casa aliviaram o problema e criaram benefícios para o comércio eletrônico. Mas isso não ocorreu devido à dificuldade de entrega dos pedidos. 

O transporte se tornou um ponto de estrangulamento. Os itens que já foram produzidos, ou que foram encomendados ou estão sendo encomendados, dificilmente chegarão a tempo.

Alguns varejistas que confiam nos fabricantes chineses estão fornecendo orientações que prevem grandes reduções nas vendas e nos lucros porque os produtos não estão sendo produzidos. E os varejistas da Europa, Canadá e Estados Unidos, que dependem de turistas chineses para vendas, estão sofrendo com a redução das viagens.

As plataformas de comércio eletrônico chinesas, estão contratando milhares de trabalhadores temporários, já que as restrições impostas pelo governo aumentaram a demanda do consumidor por serviços de entrega de compras on-line. 

Agora é hora de escolhas prudentes e ousadas diante da incerteza.

É muito cedo para prever o impacto total desta crise em nossas vidas diárias e nas operações de nossos negócios. Enquanto especialistas lutam pela preparação contra a paranóia, o excesso de sinais conflitantes prepara o cenário para um problema.

Você precisa tomar decisões importantes praticamente sem informações.

Vimos a China praticamente isolar um país de 1,4 bilhão de pessoas. Agora estamos vendo o mesmo acontecer na Itália. No nível local do seu próprio negócio, a atitude prudente é aprovar proteções ousadas agora, antes da crise.

O planejamento do senso comum acrescenta calma, segurança e eficiência.

Obviamente, a natureza do seu negócio em particular ditará sua estratégia. Por exemplo, ao administrar um hotel ou uma companhia aérea, você teria diferentes matrizes de decisão que os profissionais e empresas de comércio eletrônico.

na ilustracao do conceito de trabalho 114360 132 - Coronavírus o que podemos esperar do E-commerce com a pandemia?

Para os trabalhadores: A saúde física e emocional de sua equipe é a prioridade. Use tecnologia, ferramentas e bom senso para minimizar o contato físico, ao mesmo tempo em que é comunicativo e disponível para resolver quaisquer preocupações.

Permita que o maior número possível de funcionários participe remotamente com diversas ferramentas como:



Reuniões

Zomm: https://www.zoom.com.br

Loom: https://www.loom.com/

Appear: appear.in

Skype: https://www.skype.com/pt-br/

Join me: https://www.join.me/pt

Cisco Webex: https://www.webex.com.br/

GotoMeeting: https://www.gotomeeting.com/

BlueJeans: https://www.bluejeans.com/

Google Meet: https://meet.google.com/

Mensagens

Gmail: https://gmail.com/

Outlook: https://outlook.live.com/

Apple: https://www.apple.com/

Discos virtuais

Google Drive: https://www.google.com/intl/pt-br/drive/about.html

Dropbox: https://www.dropbox.com/

OneDrive: https://onedrive.live.com/

NextCloud:https://nextcloud.com/

Documentos

Suite: https://gsuite.google.com/

Office 365: https://products.office.com/

Notion: https://www.notion.so/

Slite: https://slite.com/

GitBook: https://www.gitbook.com/

Confluence: https://www.atlassian.com/

Prezi: https://prezi.com/pt/

Produtividade

Trello: https://trello.com/

Jira: https://www.atlassian.com/

Smartsheet: https://www.smartsheet.com/

RedBooth: https://redbooth.com/

ZohoProjects: https://www.zoho.com/

Anotações

Google Keep: https://www.google.com.br/keep/

Microsoft To Do: https://todo.microsoft.com/tasks/pt-br/

Apple Notas: https://www.icloud.com/notes

 

Calendários

Google Calendar: https://gsuite.google.com/

Outlook Calendar: https://office.live.com/

Apple Calendar: https://www.icloud.com/calendar

Diagramas e Fluxogramas

Draw.Io: https://app.diagrams.net/

Lucidchart: https://www.lucidchart.com/

FeatureMap: https://www.featuremap.co/en

CardBoard: https://arvr.google.com/cardboard/

Design e prototipagem

Figma: https://www.figma.com/

Invision: https://www.invisionapp.com/

Zeplin: https://zeplin.io/

Colaborativo

Miro: https://miro.com/

Slack: https://slack.com/intl/pt-br/

Sketch: https://www.sketch.com/

Explain Everything: https://explaineverything.com/

Group Map: https://www.groupmap.com/

Felizmente, muitas pessoas podem trabalhar remotamente,você precisa ajustar as metas de maneira flexível. Felizmente, sua empresa se tornará mais flexível após a crise, como resultado de trabalhar em direção a novas soluções de onde estamos agora.

ilustracao do conceito de visao geral dos recursos 114360 1500 - Coronavírus o que podemos esperar do E-commerce com a pandemia?

Para seus produtos: Conhecimento é poder, certifique-se de entender toda a sua cadeia de suprimentos. Saiba de onde vem o seu produto, seja ativo em encomendar seus produtos para que você tenha um estoque que garanta a operação da sua loja virtual, não espere isso vir do seu fornecedor.

Espere que seus fornecedores, armazéns, equipe terceirizada, prestadores de serviços externos e todos que interagem com seus produtos ao longo do caminho estejam enfrentando atrasos e contratempos em cascata.

ilustracao de conceito de pesquisa de cliente 114360 558 - Coronavírus o que podemos esperar do E-commerce com a pandemia?

Para seus clientes: ser honesto e claro sobre o motivo de você estar com um déficit de estoque, por exemplo, estabelecerá confiança no momento em que todos mais precisamos dele.

Faça o melhor para o seu cliente

Não seja oportunista, não caia na ilusão de aproveitar o momento e colar os preços de seus produtos nas alturas. Infelizmente muitas pessoas aproveitam, como estamos vendo produtos como álcool e gel e máscaras com 400% de aumento em grandes marketplace, seja honesto nos preços e na qualidade. 

O Brasil está tomando medidas para evitar a transmissão, evitando aglomeração de pessoas, e com isso teremos um grande aumento de pedidos de produtos e serviços online, agora é a vez de mostrar a real eficiência do e-commerce em benefício do consumidor.

Tudo vai passar

Acredito firmemente que nosso mundo voltará ao normal a longo prazo. A curto prazo, você precisa ser cauteloso e pode precisar adaptar seus processos.

Coletivamente, tomemos isso como uma oportunidade para nos tornarmos pessoas melhores. Preocupe-se com seus colegas de trabalho. Ajude seus clientes a encontrar calma e confiança. Seja um farol de positividade e esperança quando os outros não puderem.

Abraços Elvis Gomes – Painel10 Consultoria E-commerce

 

Elvis Gomes
Elvis Gomes
Consultor em E-commerce. CEO da Painel10 Consultoria E-commerce. Especialista em e-commerce com mais de 20 anos de experiência no mercado digital atuando com consultoria, SEO e SEM, Usabilidade, estratégia em Marketing para Pequenas, Médias e Grandes empresas
WeCreativez WhatsApp Support
Vamos bater um papo!