O que é uma impressão?

Um URL do link registra uma impressão quando ele aparece em um resultado da pesquisa para um usuário. Se o link precisa ser visualizado pela rolagem ou se tornar visível de outra maneira depende do tipo de elemento de pesquisa que contém o link, como descrito a seguir.

Por exemplo, veja um resultado da pesquisa bem básico que inclui somente um link: o título “The Complete Guide to Daffodils – Example.com”.

Basic search result with one link

O URL apontado por esse link registrará uma impressão quando o usuário abrir a página que contém esse resultado, mesmo que o resultado não tenha sido visualizado na rolagem. O URL do link visível abaixo do título não é um hiperlink e não é registrado como impressão. O URL visível também não é necessariamente igual ao URL do hiperlink do título.

Como agregar dados por site e página

Se um único elemento de pesquisa contiver vários links (como muitos têm), as impressões serão contadas pelo URL ou site, dependendo da visualização do relatório de Search Analytics. Por exemplo, este é um cartão de Mapa do conhecimento com vários links de imagens e texto:

Knowledge graph card showing links

Se você olhar o relatório de Search Analytics com dados agrupados por site, somente uma impressão será contada para o cartão inteiro:

  • www.example.com: 1 impressão

Entretanto, se você olhar o relatório de Search Analytics com dados agrupados por página, serão exibidas cinco páginas com uma impressão cada:

  • www.example.com: 1 impressão
  • www.example.com/rain: 1 impressão
  • www.example.com/rainbow: 1 impressão
  • www.example.com/shamrock: 1 impressão
  • www.example.com/lightning: 1 impressão

Embora algumas dessas páginas apresentem vários links, todas as impressões para a mesma página são combinadas em uma única impressão quando os dados são agrupados por página.

Veja detalhes de elementos específicos para mais informações sobre o comportamento.

O que é a posição no resultado da pesquisa?

A página de resultados da Pesquisa Google é composta de muitos elementos de resultados da pesquisa. Os elementos de resultados da pesquisa incluem seções de links em azul, carrosséis, cartões de Mapa do conhecimento e muitos outros tipos de recursos de resultados. Um único elemento de resultados da pesquisa pode incluir texto, recursos interativos e um ou mais links.

A maioria dos elementos de resultados da pesquisa tem um valor de posição numérico descrevendo sua posição na página. O diagrama de computador a seguir mostra a página de resultados da pesquisa com quatro seções de links em azul (1, 3, 4, 5), um carrossel AMP (2) e um cartão do Painel de conhecimento (6). A posição de cada um é calculada de cima para baixo no lado primário da página, depois de cima para baixo no lado secundário (em idiomas da direita para a esquerda, o lado direito é o primário), como exibido aqui:

Position counting order on a 2-column result set.

Todos os link em um elemento único têm a mesma posição. Por exemplo, no diagrama anterior, todos os itens no carrossel AMP têm posição 2; todos os links no bloco “links em azul” bloqueados na posição 5 têm posição 5; todos os links no cartão de conhecimento têm posição 6 e assim por diante.

A localização dos elementos de resultado na página pode variar dependendo do tipo de dispositivo, dos recursos de pesquisa e do tamanho da tela, mas a regra geral é a mesma: a posição é calculada de cima para baixo, da esquerda para a direita ou da direita para a esquerda em idiomas escritos dessa maneira. Esse método de cálculo pode ser alterado no futuro.

O que conta como um marcador de posição?

Somente elementos que contenham pelo menos um link de refinamento que não seja de consulta contam como uma posição. Elementos que não tenham links, ou que só tenham links de refinamento de consulta, não ocupam uma posição. Por exemplo, um carrossel de pinturas de van Gogh (que apontam para novas pesquisas do Google) não é contado como marcador de posição, e a presença dele não afeta o valor de posição dos elementos abaixo dele na página. No exemplo anterior, caso um carrossel que não marca posições aparecesse acima do carrossel da página AMP (na posição 2), a posição de nenhum dos valores da página seria afetada.

Entretanto, algumas miniaturas de imagem na página principal de pesquisa levam (no fim) a uma página da Web (talvez após um clique adicional para expandi-la) e, por isso, contam como um marcador de posição. Os anúncios não ocupam uma posição de pesquisa.

O que o valor de posição significa no relatório de Search Analytics?

O valor de posição exibido no relatório de Search Analytics é a posição do link mais acima para seu site ou página nos resultados da pesquisa, após ter sido feita a média em relação a todas as consultas nas quais seu site aparece. Por exemplo:

  1. Se uma consulta retornar seu site nas posições 2, 4 e 6, a posição dela será contada como 2 (a posição mais acima).
  2. Se uma segunda consulta retornar seu site nas posições 3, 5 e 9, sua posição será contada como 3 (a posição mais acima).
  3. A posição média dessas duas consultas é (2 + 3)/2 = 2,5.

Um link precisa receber uma impressão para sua posição ser registrada. Se o resultado não recebe uma impressão (por exemplo, se o resultado estiver na página 3 dos resultados da pesquisa, mas o usuário visualizar somente a página 1), sua posição não é registrada para aquela consulta. Em algumas configurações de relatório, é possível ver um traço (–) para o valor da posição. Isso significa que não há uma posição registrada porque o usuário nunca viu seu site para aquela consulta. Por exemplo, se você comparar resultados de computadores e dispositivos móveis para uma página com 10 impressões no computador, mas nenhuma nos dispositivos móveis, verá 10 para computador e – para dispositivos móveis.

O que o valor de posição significa para meu site?

O valor de posição é uma métrica complexa que pode ser enganosa caso você não entenda as sutilezas. Por exemplo, no diagrama anterior, o cartão do Mapa do conhecimento na posição 6 tem o maior valor na página, o que parece ruim, mas, na verdade, ele aparece em uma posição bem proeminente. Além disso, na pesquisa de imagens, o número de resultados exibido por linha e página depende da largura da tela e outros fatores, por isso a posição descreve de maneira muito vaga a altura na qual a imagem aparece.

Por exemplo, veja a seguir apenas algumas possíveis explicações de um valor de posição 11 para um elemento:

  • Na pesquisa de computador, poderia significar a posição do lado direito superior em um cartão do Mapa do conhecimento.
  • Na pesquisa de computador, poderia significar o primeiro item na página 2 se a primeira página não tinha nada no lado secundário.
  • Nos resultados de imagens de computador, poderia significar a segunda ou terceira linha de resultados (visível sem rolar).
  • Em dispositivos móveis, poderia significar a sexta linha de resultados (visível somente rolando).

Como podemos ver, o número da posição pode significar coisas diferentes em diferentes situações e, por isso, não é aconselhável tirar conclusões simplórias. Recomendamos que você monitore as alterações na posição ao longo do tempo, especialmente alterações repentinas, assim como posição absoluta.

O que é um clique?

Para a maioria dos tipos de resultado, qualquer clique que envie o usuário a uma página fora da Pesquisa Google é contado como um clique, enquanto clicar em um link que permanece dentro dos resultados da pesquisa não é contado como um clique. Veja O que é um refinamento de consulta? para mais informações.

Clicar em um resultado da pesquisa para uma página externa, retornar e clicar no mesmo link novamente conta como somente um clique. Clicar em um link diferente conta como um clique para cada link clicado.

Alguns tipos de resultados da pesquisa podem contar cliques de maneira diferente, leia sobre o clique do tipo de elemento de pesquisa para ver mais detalhes.

O que é um refinamento de consulta?

Se você clica em um link nos resultados da pesquisa que realiza uma nova consulta, isso é chamado de refinamento de consulta. Por exemplo, se você pesquisar por “raças de gatos”, talvez os resultados incluam uma galeria de fotos das diferentes raças. Clicar em uma das imagens na galeria cria uma nova consulta para a raça escolhida.

Da mesma forma, se você pesquisar por “gatos gordos” na visualização padrão da Web e, depois, selecionar a visualização de resultados de imagens (ou vídeos, notícias etc.), cada vez que você alterar a visualização estará criando um refinamento de consulta.

Se um link for um link de refinamento de consulta, os cliques e as impressões não serão contados para aquele link. Isso faz sentido quando paramos para pensar: o proprietário da página de destino do link de refinamento de consulta é… o Google! Somente cliques e impressões que (no fim) levem para fora da página de resultados da pesquisa podem registrar cliques ou impressões no Search Console.

Se um usuário seguir um link de refinamento de consulta, estará criando a nova consulta exibida na caixa de termos de pesquisa. Todos os dados de impressões, posição e cliques na nova página de resultados são contados como vindo dessa nova consulta do usuário.

Para qual URL estão atribuídos meus dados de search analytics?

Cliques, impressões e posição são atribuídos ao URL para o qual o usuário é direcionado pela Pesquisa Google. Em alguns casos, pode não ser o URL exibido visivelmente no resultado da pesquisa. Por exemplo, se um site hospedar uma página example.com/mypage para computadores com uma versão compatível com dispositivos móveis em m.example.com/mypage (talvez indicada por uma tag rel=”alternate”), o resultado da pesquisa nos dispositivos móveis poderá exibir example.com, mas o destino do link seria m.example.com. Nesse caso, o Search Console atribuiria a impressão e o clique para m.example.com/mypage (o destino real).

Se a página de destino redirecionar o usuário a outra página, o URL atribuído para a impressão e o clique não será afetado.

Detalhes dos elementos do resultado da pesquisa

A contagem de cliques, impressões e posição pode ter diferenças sutis dependendo do tipo do elemento de resultado, como descrito aqui.

Carrossel

Os Carrosséis são contêineres de rolagem (normalmente, rolagem horizontal) com uma série de itens do mesmo tipo, como miniaturas de imagem ou páginas AMP.

Clique: O comportamento depende do tipo de item contido no carrossel.

Impressão: Um item precisa ser visualizado na rolagem no carrossel para registrar uma impressão. O carrossel em si não precisa ser rolado para a visualização na página atual.

Posição: Um carrossel ocupa uma única posição nos resultados da pesquisa, e todos os itens no carrossel são atribuídos à mesma posição. Entretanto, um carrossel ocupará uma posição de pesquisa somente se o tipo de elemento contido puder ocupar uma posição de pesquisa: por exemplo, um carrossel de páginas AMP tem uma posição porque essas têm uma posição, mas um carrossel de links para refinar consultas do Google não ocuparia uma posição de pesquisa, pois esses links não ocupam uma posição.

URL: O carrossel em si não tem URL, os dados são atribuídos aos URLs dos elementos contidos nele.

Página AMP

Uma página AMP pode aparecer como um link de resultado padrão ou em formato resumido em um carrossel. Clicar em uma página AMP em um carrossel abre a página AMP completa em um visualizador AMP especial. Os usuários podem navegar pelas páginas AMP completas nesse visualizador na ordem na qual foram hospedadas no carrossel.

Clique: Clicar em uma página AMP resumida em um carrossel (abrir a página) conta como um clique. Visualizar uma página AMP completa no visualizador AMP conta como um clique e uma impressão. Portanto, se você estiver com o visualizador aberto e navegar por ele, um clique (e impressão) será contado para cada página na primeira (e somente na primeira) vez que você a vê.

Impressão: Uma impressão para uma página AMP será contada quando ela estiver visível no carrossel nos resultados da pesquisa ou no visualizador de página AMP completa. Uma impressão é contada somente uma vez, não importa quantas vezes o usuário veja a página no carrossel ou no visualizador. Se o link de um resultado da pesquisa apontar para a página AMP como um resultado de “link em azul” simples (não em um carrossel), isso será contado como uma impressão.

Posição: É a posição do elemento de resultado da pesquisa que contém os itens (o carrossel, o grupo de links em azul etc.). A posição dentro do carrossel não é levada em conta.

URL: O URL relatado é o URL da página AMP.

Snippet em destaque

Um snippet em destaque exibe as informações extraídas de uma única página da Web específica. Ele inclui um link para a página da Web de origem.

Clique: Clicar no link para a página externa na resposta da Web conta como um clique.

Impressão: Aplicam-se as regras de impressão padrão.

Posição: Aplicam-se as regras de posição padrão.

URL: O URL final para o qual o usuário é redirecionado ao clicar no link na resposta da Web.

Rich card

Os rich cards são definidos usando dados estruturados e podem ser exibidos de várias formas nos resultados da Pesquisa Google.

Clique: Clicar em um cartão que leva o usuário para fora dos resultados da pesquisa conta como um clique.

Impressão: Aplicam-se as regras de impressão padrão.

Posição: Aplicam-se as regras de posição padrão.

URL: O URL da página com a marcação estruturada do rich card.

Link de instalação do aplicativo

Quando um usuário pesquisar em um dispositivo móvel, se o resultado incluir uma página de aplicativo para um aplicativo que não está no dispositivo, o usuário poderá ver um link para instalar o aplicativo no dispositivo, e os resultados que apontam para páginas no aplicativo serão omitidos dos resultados.

Clique: Clicar no link para o local de instalação conta como um clique. Isso não garante que o usuário realmente instalou o aplicativo.

Impressão: Aplicam-se as regras de impressão padrão.

Posição: Aplicam-se as regras de posição padrão.

URL: O URL associado ao link de instalação do aplicativo é o URI da raiz do dispositivo (sem o prefixo app://<package_or_id>), que é “/”.

Imagem

Os resultados de imagens podem aparecer como miniaturas incorporadas na página de resultados da pesquisa combinados ou in-line na página de resultados da pesquisa de imagens. Na página de resultados da pesquisa combinados, algumas vezes elas aparecem em um carrossel de imagens.

Nos dados de search analytics, uma imagem é simplesmente um link para o URL da página host. Isso significa que o Search Console não faz distinção entre diferentes imagens na mesma página. Todas são consideradas links idênticos em relação aos cliques, às impressões e à posição.

Uma imagem pode aparecer tanto nos resultados da pesquisa da Web quanto de imagem. O Search Analytics registra dados para cada tipo de pesquisa separadamente. Ele não combina os dados de diferentes tipos.

Clique: Os cliques para expandir uma imagem em miniatura não são contados como cliques. Cliques em imagens expandidas, ou qualquer clique em imagem que leve o usuário para fora da Pesquisa Google, são contados como um clique.

Impressão: As impressões são contadas quando o usuário vê a miniatura ou a imagem expandida. Uma impressão é contada somente uma vez por URL da página host. Por isso, se um usuário rolar para fora e voltar, ou expandir uma miniatura em uma imagem maior, isso será contado como uma única impressão. Uma impressão única é registrada por URL. Se uma consulta exibir várias imagens diferentes da mesma página, será registrada somente uma impressão. O momento em que uma impressão é registrada depende da visualização de pesquisa que o usuário abriu:

  • Guia de resultados combinados: Na página padrão de resultados da pesquisa, que combina resultados de todos os tipos, as impressões de imagem são contadas independentemente de uma imagem ser visualizada na rolagem na janela do navegador. Entretanto, se uma imagem estiver em um carrossel nessa (ou em qualquer outra) página, ela precisará ser visualizada na rolagem no carrossel para uma impressão ser contada.
  • Guia de pesquisa de imagens: As impressões de imagens serão contadas somente quando a imagem for visualizada na rolagem.

Posição: Aplicam-se as regras de posição padrão.

  • A posição na guia de resultados combinados é calculada usando as regras padrão de posição, em que um bloco de imagens ocupa a mesma posição.
  • A posição nos resultados da pesquisa de imagens é contada da esquerda para direita e de cima para baixo ou da direita para a esquerda em idiomas escritos dessa maneira. Por exemplo, em português, os resultados de imagens na página esquerda para a direita contariam as posições desta maneira:

Counting order for position in image search results, in a left-to-right result set

Na página de resultados da pesquisa de imagens, uma tela mais ampla exibe mais resultados por linha. Como o número de imagens por linha varia dependendo do tamanho da tela e da largura de cada imagem, pode ser difícil julgar o significado exato do valor da posição nos resultados da pesquisa de imagens.

URL: É o URL da página host da imagem.

Os comentários estão encerrados.